Ligue-se a nós

Cinema

Vivarium – Uma celebração da humanidade

“Uma celebração arrepiante e desconcertante do melhor da humanidade”.

Publicado

em

Vivarium
Foto: Vivarium / DR

Título: Vivarium
Realizador: Lorcan Finnegan
Ano: 2019
Classificação Notícias de Leiria: 6/10 brisas do lis

Gemma (Imogen Poots) e Tom (Jesse Eisenberg) são um jovem casal à procura de casa. Ela é professora, ele é jardineiro e estão apaixonados. Quando conhecem Martin, um agente imobiliário bastante peculiar, aceitam visitar uma moradia numa nova urbanização chamada Yonder. É neste bairro dos subúrbios, onde todas as casas são idênticas e todas as ruas iguais, que o agente os abandona sem qualquer explicação.

O casal tenta sair de Yonder, mas voltam sempre à mesma vivenda, que é agora o seu lar. Num conjunto de sequências repetitivas, as personagens tentar fugir de carro, depois a pé, enviando sinais de socorro e até escavando um buraco, sem sucesso. Estão presos num loop, na moradia n.º 9, nas tarefas rotineiras como tomar o pequeno-almoço e lavar a roupa. Gemma e Tom estão subitamente acorrentados ao dia-a-dia aborrecido de todos nós, repetindo as mesmas ações banais vezes sem conta.

Na sua “prisão”, surge uma esperança. É-lhes deixado um bebé para cuidarem, com a promessa de serem libertados se o fizerem. Não é um bebé “normal” e o casal depressa se apercebe disso. No entanto, o instinto maternal é mais forte e Gemma dá ao seu melhor para proteger e educar a criança que, em poucos meses, se transforma num adulto.

Da capacidade quase infinita do ser humano na sua dedicação aos outros, da compaixão e abnegação de nós próprios a favor da prole (seja ela qual for), surge Vivarium. Uma celebração arrepiante e desconcertante do melhor da humanidade.

Veja aqui o trailer:

Filipa Reis sempre foi apaixonada pelas imagens do grande ecrã e também do pequeno. É consumidora assídua e ávida de longas-metragens, documentários, séries e livros. Licenciou-se em Comunicação Social, pela Escola Superior de Educação de Coimbra. Depois de estagiar na ESEC TV, foi assistente de produção no programa Câmara Clara da RTP. Em 2013, iniciou uma nova fase profissional, na LUA Filmes, onde se mantém até hoje como produtora.

POPULARES