Ligue-se a nós

Cinema

Os 7 de Chicago – A Netflix a caminho dos Óscares

“Cinco décadas depois e fazendo lembrar os protestos recentes na Europa e nos Estados Unidos, parece que nada mudou e que esta história se passou ontem.”

Publicado

em

Os 7 Chicago
Foto: Os 7 de Chicago / DR

Título: Os 7 de Chicago
Realizador: Aaron Sorkin
Ano: 2020
Classificação Notícias de Leiria: 8/10 brisas do lis

Após um ano inovador para o cinema mundial, com filmes magníficos como Parasitas, 1917 e Jojo Rabbit, 2020 apresenta-se pouco fértil devido à paralisação forçada da indústria. No meio de um extenso e árido deserto, a Netflix brinda-nos com este pequeno oásis, que muito provavelmente lhe garantirá lugar nos tão aguardados prémios da Academia.

Os 7 de Chicago conta a história real de um julgamento, resultante dos protestos de 1968, na Convenção Democrática em Chicago. Um julgamento político, contra os ideais dos arguidos mais do que contra as suas ações e conduzido por um juiz parcial e autoritário. Este regresso ao género faz recordar os tempos áureos do “drama de tribunal”, recuperando toda a eloquência e artifícios necessários para nos prender ao ecrã durante duas horas, sendo a maior parte desse tempo passada dentro da sala de audiências.

Como pontos fortes temos um argumento quase perfeito e poderosas interpretações, nas quais se destacam Yahya Abdul-Mateen II e Sacha Baron Cohen. A realização é simples mas pensada, fazendo justiça ao género e cumprindo o principal objetivo de transmitir os acontecimentos, os sentimentos e as injustiças.

Veja aqui o trailer:

Filipa Reis sempre foi apaixonada pelas imagens do grande ecrã e também do pequeno. É consumidora assídua e ávida de longas-metragens, documentários, séries e livros. Licenciou-se em Comunicação Social, pela Escola Superior de Educação de Coimbra. Depois de estagiar na ESEC TV, foi assistente de produção no programa Câmara Clara da RTP. Em 2013, iniciou uma nova fase profissional, na LUA Filmes, onde se mantém até hoje como produtora.

POPULARES