Ligue-se a nós

Cultura

Música em cenário idílico – Festival Jazz Matazz

“O objetivo é a preservação da Mata. Tivemos todo o cuidado com as questões de segurança e seguimos as regras exigidas”, contou Paulo Clemente, presidente da União de Freguesias e maestro da Banda Filarmónica dos Marrazes, ao Notícias de Leiria.

Publicado

em

Edição 2020 Jazz Matazz
Foto: Edição 2020 Jazz Matazz / Pedro Carvalheiro

Com nomes sonantes do Jazz português, Marrazes recebeu a 2ª edição do Jazz Matazz, este fim de semana, dia 4 e 5 de julho. O Notícias de Leiria, esteve no recinto e assistiu ao concerto dos R`B & Mr. SC e LoKomotiv, na noite do passado sábado. Também para a noite de domingo, ficou guardada a atuação de André Fernandes e Eduardo Cardinho.

Recinto Jazz Matazz 2020

Foto: Edição 2020 Jazz Matazz / Pedro Carvalheiro

“É um prazer ver a vossa cara, mesmo com a máscara. É a primeira vez que atuamos com público, depois do confinamento” disse entusiasmado, um dos elementos dos LoKomotiv, depois de apresentar a banda de Lisboa com 20 anos de existência, já perto da meia noite, no final do concerto, na primeira noite do “Jazz Matazz”

Já anunciado nos meios de comunicação social locais e nacionais, o Festival de Música da Mata dos Marrazes, é organizado pela União das Freguesias de Marrazes e Barosa, e com o apoio da Câmara Municipal de Leiria.

“O objetivo é a preservação da Mata. Tivemos todo o cuidado com as questões de segurança e seguimos as regras exigidas. Para o ano vai haver a terceira edição. O festival vai continuar,” avançou o presidente da União de Freguesias, Paulo Clemente, também maestro da Banda Filarmónica dos Marrazes, no intervalo do espetáculo, ao Notícias de Leiria, junto ao palco montado à entrada da Mata, nas traseiras da escola, e do parque de estacionamento do pavilhão gimnodesportivo dos Marrazes.

Com lotação limitada a 350 pessoas, a marcação antecipada por email e aquisição dos bilhetes grátis e numerados ficou a cargo da Junta de Freguesia dos Marrazes e Barosa. Segundo afirmou ao Notícias de Leiria um elemento da organização à entrada do recinto, que contou com todos os lugares sentados, no sábado estavam cerca de 150 pessoas das 200 previstas.

Também na entrada era distribuído o kit #Leiriaprotege. Um saco branco com o endereço www.leiriamarket.pt, o nome e logótipo da Câmara Municipal de Leiria, com uma viseira e uma máscara e um folheto com as regras de higiene e segurança a seguir pelos espetadores.

Com as cadeiras colocadas respeitando a distância social, a higienização das casas de banho e respeitadas todas as medidas de segurança, ainda em tempo de pandemia covid-19, dinamizar a Mata com bandas conceituadas do Jazz português, é o mote para os quatro concertos ao ar livre, num cenário idílico e natural, onde foi montado um palco numa área de terra batida, e cortada a estrada, junto ao gimnodesportivo e no cruzamento perto do Clube dos Marrazes.

.

Sou o Pedro Carvalheiro, de 53 anos, natural de Leiria. Gosto de escrever e fotografar. Sou licenciado em Comunicação Social e Educação Multimédia pela Escola Superior de Educação e Ciencias Socias de Leiria, terminado em 2015. No ano seguinte especializei-me em Comunicação Acessível.

Recomendado




Recomendado




POPULARES