Ligue-se a nós

Cultura

Leiria festeja Natal na rua com música de 39 Cidades Criativas da UNESCO

“Provavelmente, quem andar na rua vai achar estranho, porque não vai ouvir aquelas músicas habituais”, explica a coordenadora de Leiria Cidade Criativa da Música.

Publicado

em

Leiria Natal 2020
Foto: Praça Goa, Damão e Diu, em Leiria / NL

Música de vários pontos do mundo, representativa de 39 Cidades Criativas da UNESCO, vai ouvir-se nas ruas de Leiria este Natal, numa iniciativa que pretende tornar a quadra mais intercultural.

No dia 1 de dezembro, estreia aquela que pretende ser uma alternativa à habitual banda sonora natalícia debitada pela instalação sonora preparada para animar a cidade durante esta época, explicou à agência Lusa a coordenadora de Leiria Cidade Criativa da Música, que convidou todas as cidades da rede a escolherem um tema para a ‘playlist’.

“São músicas de Natal ou não, mas vêm todas ao encontro da questão da paz, da esperança, dos valores da Humanidade”, avançou Celeste Afonso, que lançou a ideia para criar “uma banda sonora de Natal diferente”, que “mostra várias culturas e que prova como a música pode ser tão diferente e tão agregadora”.

Em Leiria, o Natal em espaço público será celebrado com sons que chegam de Chennai, na Índia, de Kansas City, nos Estados Unidos da América, de Brazzaville, no Congo, de Auckland, na Austrália, de Medellín, na Colômbia, ou de Hamamatsu, no Japão.

Ao todo, são 39 as cidades que aceitaram o desafio, estando também representadas as Cidades Criativas da Música de Portugal: Idanha-a-Nova com as Adufeiras e “Senhora do Almortão”, Amarante pelo grupo Propagode e “São Gonçalo de Amarante”, e Leiria, com a banda Catraia e “Canção de quem fica cá”.

“O resultado está muito, muito interessante. Provavelmente, quem andar na rua vai achar estranho, porque não vai ouvir aquelas músicas habituais. Será música indiana característica, uma orquestra de Metz, outra de Pesaro, de Itália, um coro de Hannover, na Alemanha, que se juntou a outro do Chile…”, antecipou Celeste Afonso.

Dentro da variedade, tentou-se um alinhamento “mais ou menos harmonioso”, mas a responsável admitiu que quem passa pode estranhar. Mas essa é, também, a intenção.

“Há muita gente que ainda que não faz ideia de que somos Cidade Criativa. Talvez assim as pessoas parem para ouvir e se questionem. E fiquem a saber, aí, que Leiria é Cidade Criativa da UNESCO. Esta é, também, uma forma de chamar a atenção para esta condição”.

A iniciativa da Leiria Cidade Criativa foi bem aceite e algumas congéneres desta rede da UNESCO também farão soar ‘playlist’ nas suas ruas. Para mais tarde, fica a possibilidade de lançar um disco.

Também a pensar no Natal, entre 23 de dezembro e 03 de janeiro de 2021, Leiria Cidade Criativa apresentará diariamente nas instalações do Centro Cívico, entre as 19:00 e a 01:00, o programa “Muita luz no sapatinho”.

“Será um espetáculo de ‘new media art’, cruzando a música com as ‘media arts’, num exercício de experimentação, que será um dos grandes atrativos de Leiria. Será uma experiência diferente de luz e de Natal, coordenado por Frederico Montes com um coletivo de jovens de Leiria e Madrid”, disse a coordenadora.

POPULARES