Ligue-se a nós

Cinema

Comédia e drama com conteúdo – After Life

O que acontece depois do “vivem felizes para sempre”, principalmente quando é interrompido por um acontecimento tão definitivo como a morte?

Publicado

em

After Life Netflix
Foto: Facebook After Life

Título: After Life
Criadores: Ricky Gervais
Ano: 2019
Classificação IMDB: 8.4

 

PUBLICIDADE

After Life é uma comédia negra, criada por Ricky Gervais, que nos leva a pensar seriamente nas relações que estabelecemos com as pessoas que nos rodeiam e em como influenciamos as vidas uns dos outros. É preciso ser fã do humor de Ricky Gervais para gostar de After Life? Não é obrigatório, mas ajuda.

Tony (Gervais) trabalha num jornal local gratuito, visita o seu pai no lar e passeia a cadela. Tem uma vida comum, exceto na sua relação com a esposa Lisa (Kerry Godliman), que é o que dá sentido à sua existência. Quando a série começa, Lisa já faleceu e Tony está deprimido, revoltado e com tendências suicidas.

É curiosa a inversão do argumento habitual, no qual duas pessoas que conhecem, se apaixonam, ultrapassam um conjunto de obstáculos e vivem felizes para sempre. O que acontece depois do “vivem felizes para sempre”, principalmente quando é interrompido por um acontecimento tão definitivo como a morte? Gervais explora a resposta, misturando situações e diálogos de chorar a rir, com momentos dramáticos, que comovem qualquer espetador.

A dor que o protagonista sente é palpável e a série evidencia que, muitas vezes, os problemas mentais não têm uma manifestação exterior tão óbvia como poderíamos pensar. Tony continua deprimido e em sofrimento, no entanto o mundo à sua volta pensa que ele já ultrapassou ou que já devia ter ultrapassado o luto e avançado com a sua vida. Aparentemente, Tony é rude ou apático, porque continua preso à mágoa e em depressão.

Com muito conteúdo em duas curtas temporadas, as várias relações amorosas, de amizade, familiares e profissionais são expostas de forma simples e real, sem julgamentos. Afinal, o mais importante da vida são as relações que criamos e os momentos felizes que vivemos, mesmo que venham a desaparecer no futuro.

Veja aqui o trailer:

.

Filipa Reis sempre foi apaixonada pelas imagens do grande ecrã e também do pequeno. É consumidora assídua e ávida de longas-metragens, documentários, séries e livros. Licenciou-se em Comunicação Social, pela Escola Superior de Educação de Coimbra. Depois de estagiar na ESEC TV, foi assistente de produção no programa Câmara Clara da RTP. Em 2013, iniciou uma nova fase profissional, na LUA Filmes, onde se mantém até hoje como produtora.

COMENTÁRIOS

Recomendado




Recomendado




POPULARES