Ligue-se a nós

Sociedade

Bloco de Esquerda questiona vereadora sobre mau cheiro em Leiria

A concelhia do Bloco de Esquerda de Leiria considera que a “autarquia tem ignorado o aumento das descargas durante a pandemia”.

Publicado

em

Rio Lis Leiria
Foto: Notícias de Leiria

O Bloco de Esquerda de Leiria questionou a vereadora do Ambiente da Câmara de Leiria, Ana Esperança, sobre o mau cheiro na cidade.

Para o partido, o cheiro começou a sentir-se na semana passada e é “bastante familiar para muitos dos leirienses. Falamos de um cheiro que nos atormenta há décadas e, com mais ou menos regularidade, vai ‘brindando’ o nosso concelho pela falta de medidas públicas para a solução do problema”.

“É fácil distinguir o cheiro das sucessivas descargas de efluentes suinícolas nos nossos recursos hídricos e perceber o seu impacto negativo para o meio ambiente e bem-estar da população afetada”, referem os bloquistas em nota enviada às redações.

Para o Bloco de Esquerda, “o cheiro persiste durante dias tal como as nossas dúvidas quanto à aplicação da Resolução aprovada no Parlamento para a construção de uma ETES pública com capacidade de tratamento dos milhares de metros cúbicos de chorumes produzidos diariamente em toda a região de Leiria”.

A concelhia do Bloco de Esquerda de Leiria considera que a “autarquia tem ignorado o aumento das descargas durante a pandemia” e por isso interpelou Ana Esperança, vereadora do Ambiente, para que sejam punidos “os responsáveis das descargas da passada semana, bem como todas as informações relativas ao ponto da situação do projeto de construção de uma ETES para Leiria”.

.

Recomendado




POPULARES